13 de jun de 2010

...

Eu sinto uma dificuldade que não dá para descrever, eu não consigo dividir-me. Sou incapaz de dizer e ser coerente, eu sou uma mistura caótica de sentimentos desconhecidos, de razões irracionais. Eu vejo vivaz demais. E ao meu ver, é muito belo quando minha fugaz tentativa de ser compreendida me parece alcançada. Alguém me compreende? Alguém compreende que maior tristeza é não ver o monocromático? Eu sou incapaz de abraçar minhas pernas e balançar-me daqui para lá, daqui para lá, daqui para lá… Assim. É! É assim mesmo.
E agora me vem uma pequena lágrima salgada de melancolia incompleta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário