7 de ago de 2010

Mural

Estava escrito - na cara, no corpo - estampado por ela toda. Cicatrizes publicadas em sua pele alva, daquelas que vão sendo descobertas na fresta que a blusa revela ao se espreguiçar ou já expostas no pescoço, ela nem se importava mais em ocultá-las, eram seus estigmas particulares. Aprendeu que mostrá-las lhe vinha a calhar, já que afastavam os de alma fraca.

Nenhum comentário:

Postar um comentário